O botânico e paisagista comenta sobre o domínio mundial de algumas empresas estrangeiras fornecedoras de plantas no que ele chama de “fast food do paisagismo”

Fotos: Divulgação

  

Apaixonado pela flora brasileira, o botânico e paisagista Ricardo Cardim é referência quando se fala em resgatar as florestas dentro da escala urbana. Criador da técnica Floresta de Bolso, aplicada em áreas públicas e privadas com a participação da comunidade em mutirão, ele comanda também o escritório Cardim Arquitetura Paisagística com projetos de grande escala. No final do ano passado, publicou o livro Remanescentes da Mata Atlântica pela Olhares, registrando a história de nossa mata em expedições pelo país. Esses temas e mais a transformação do Minhocão em parque, em São Paulo, e a falta de plantas nativas no paisagismo nacional estão na entrevista gravada neste podcast.

Leia também