Lauro Cavalcanti e Raul Juste Lores conversam na Etel sobre suas narrativas da arquitetura moderna

Lauro Cavalcanti e Raul Juste Lores debatem a arquitetura moderna brasileira.

O arquiteto e curador Lauro Cavalcanti e o jornalista Raul Juste Lores se encontram em 12 de novembro, às 18h30, na loja Etel, para debater a arquitetura brasileira dos anos 1950 e 60. Os dois são autores de livros sobre o tema: Cavalcanti acaba de relançar Dezoito Graus, pela Editora Olhares, e Lores publicou, no ano passado, São Paulo nas Alturas, pela Editora Três Estrelas.

Com ares de romance de época, Dezoito Graus mistura ficção e realidade para contar a história do Palácio Capanema, no Rio de Janeiro, então sede do Ministério da Educação e Saúde. Conduzido por personagens reais – entre eles, Lucio Costa, Oscar Niemeyer e Le Corbusier –, o livro repassa os percalços do projeto fundador da arquitetura moderna brasileira em meio a um complexo embate político.

Em São Paulo nas Alturas, Lores reconstitui esse importante período da nossa história, apresentando a grande transformação ocorrida na capital paulista, onde foram criados os mais icônicos edifícios: Copan, Itália e Nações Unidas, Conjunto Nacional, o centro comercial Grandes Galerias (hoje conhecido como Galeria do Rock) e outros prédios de grande qualidade arquitetônica. Isso graças à aliança de talentos, como Niemeyer, David Libeskind e Franz Heep, com empreendedores audazes, entre eles: Artacho Jurado, Octavio Frias de Oliveira e José Tjurs. Para quem gosta do assunto, não dá para perder. Anote o endereço: al. Gabriel Monteiro da Silva, 1834, e confirme presença pelo e-mail: julia@olhares.studio. Vale dizer também que no dia 10 de novembro, durante a programação do 32º Prêmio Design Museu da Casa Brasileira, Lauro Cavalcanti debate Dezoito Graus com o público, às 18 horas, na sede do museu.

Fotos: Divulgação e reprodução.

De Lauro Cavalcanti, Dezoito Graus é uma reedição da Editora Olhares.

O livro São Paulo nas Alturas foi lançado no ano passado.