Marcas e profissionais brasileiros agitam Milão com lançamentos de produtos e exposições no Salão do Móvel e fora dele, no circuito chamado Fuori Salone

O Brasil mais uma vez estará bem representado na Semana de Design milanesa. Teremos as mostras “Be Brasil” e “Brazil: Essentially Diverse”, promovidas pela Apex, com trabalhos de vários designers nacionais e também exposições de marcas e de designers independentes. A Dpot participa pela primeira vez do Fuori Salone com a exposição “Poetic Geometry”, enquanto, no Salão do Móvel, a Ornare faz sua estreia com a nova linha de armários desenhada por Ricardo Bello Dias e a A Lot Of se consolida como a única empresa no concorrido pavilhão 20. Já a capixaba Vivian Coser prepara instalação de suas mesas Botanique na L’Universitá degli Studi di Milano e o mato-grossense Sérgio J. Matos apresenta o banco Nós na galeria Paola Colombari.

Em comemoração a 18ª participação de Pedro Franco na feira de Milão, designer e fundador da A Lot of Brasil, a empresa apresenta a coleção Fernando de Noronha. A série traz produtos consagrados do catálogo da marca, como a cadeira Esqueleto e a poltrona SuperNova em acabamentos inéditos, e também novos desenhos, entre eles o aparador Desconstruction, produzido em parceria com a Arauco, e a mesa de centro Parabolinhas, com tampo de vidro expondo dezenas de bolinhas de metal.

A paranaense Michelangelo apresenta a segunda edição do projeto Marble Series. Neste ano, foram convidados o italiano Giorgio Bonaguro e os brasileiros Gustavo Martini e Ronald Sasson. Os mármores extraídos das jazidas no Paraná foram enviados para Verona e transformados nas peças elaboradas pelos designers e por experientes artesãos italianos. Na Galleria Carte Scoperte, em Brera.

A Ornare anuncia o novo conceito da marca e a coleção West.East, inspirada em diferentes modelos de civilização, desenhada pelo arquiteto Ricardo Bello Dias e Studio Ornare, coordenado por Murilo Schattan. A empresa estreia no Salão do Móvel, no pavilhão 18, com a nova linha que pode assumir diferentes configurações dependendo da seleção e disposição de peças.

Comemorando 15 anos de parceria com a Sollos, Jader Almeida exibe os trabalhos mais marcantes no Palazzo Litta, na mostra batizada Good News from Brazil. De novidade, o designer catarinense terá as cadeiras Windsor e Ella.

No vídeo produzido pela Olhares.News, Jader fala desse lançamento e também sobre a celebração dos 15 anos de união com a indústria de Santa Catarina.

A By Kamy lança quatros novos tapetes, três modelos na feira Be Brasil da Apex, dois criados por Francesca Alzati e o Cidade, desenhado pela Plataforma 4. O Sun Blass leva a assinatura da designer italiana Alizarina Silva.

A marca Moora Mobília Brasileira traz a coleção Brazilian Diversity no Superstudio Più, na região de Tortona, com peças assinadas pelos designers Angelo Duvoisin (poltrona Rios, com almofadões), Giácomo Tomazzi (poltrona Bella Donna), Aciole Felix, Mauricio Arruda, Rejane Carvalho Leite, Bruno Senna e ,Ovo.

Trabalhos selecionados de Claudia Moreira Salles (foto), Fernando Prado, Geraldo de Barros, Lina Bo Bardi, Marcelo Ferraz, Marcelo Suziki e Sergio Bernardes estarão expostos na mostra Poetic Geometry, organizada pela Dpot, que participa pela primeira vez da Semana. Via Ferrante Aporti 35 B, Milano Centrale.

A coleção Joy MZ, uma parceria da Portinari com a arquiteta Marília Zimmermann, será a aposta da marca no estande da A Lot Of Brasil, única empresa brasileira a constar no pavilhão 20 no Salão do Móvel em meio a importantes marcas estrangeiras.

A capixaba Vivian Coser prepara uma instalação com rochas brasileiras na L’Università degli Studi di Milano. Composta de 40 mesas Botanique, desenho criado pelo Studio Sette7, comandado pela designer, que evocam as linhas de Burle Marx em cores vivas de mármores, granitos, quartzos e quartzitos.

Na Galleria Paola Colombari, o mato-grossense Sergio J. Matos expõe o banco Nós, móvel para área externa produzido em aço na cor vermelha. Na mostra Be Brasil, o designer apresenta a poltrona Uapés e a cadeira Xavantes, ambas produzidas pela Cabanna Móveis.

A Apex, em parceria com o Consulado-Geral do Brasil em Milão, organiza a mostra Brazil: Essentially Diverse, no Museo della Permanente. Entre os brasileiros que expõem, estão: o designer Aristeu Pires, com a cadeira Olivia; e a St. James, empresa de fabricação de peças de metal, com produtos assinados por Nino Bauri, Luis Pons e Studio Sette7.

Participam também La Lampe, com a coleção Broto, criação da dupla André Bastos e Guilherme Leite Ribeiro, do estúdio Nada Se Leva, e o designer mato-grossense Sérgio J. Matos, que exibe sua linha de produtos desenvolvidos em comunidades indígenas e ribeirinhas do Amazonas.

A Luxion, empresa gaúcha de iluminação, selecionou para a exposição luminárias dos designers Guilherme Wentz, Roque Frizzo e Vinicius Siega. O carioca Brunno Jahara levará quatro diferentes coleções: Paleae Brasilis, Stripes & Dots, Copanema e Transatlântica.

No centenário de José Zanine Caldas (1919-2001), a Etel leva as reedições do Móveis Artísticos Z – mobiliário criado pelo mestre nos anos 1940 e 50 – à exposição “Zanine (R)evolution: a story by Etel”. A loja da marca na cidade fica na via Pietro Maroncelli, 13.

Fernando e Humberto Campana mostram, na via Palermo, 1, em Brera, a instalação Crochet, uma celebração aos 15 anos de parceria com a Melissa. A obra, com milhares de fios de PVC reciclados dos sapatos e acessórios da marca, contou com a participação de coletivos, artistas e ONGs nacionais para sua confecção. A empresa brasileira de calçados plásticos lançará ainda uma edição limitada da sapatilha Crochet no tom cromado e  com assinatura dos irmãos na palmilha. O produto estará disponível somente na pop-up do Fuorisalone e no e-commerce da empresa na Itália. Os irmãos estarão presentes também no showroom da Artemide (Corso Monforte 19), no Palazzo Serbeloni com lançamentos para a Louis Vuitton (Corso Venezia, 16) e na Università degli Studi di Milano (via Festa del Perdono, 7) com a instalação Sleeping Piles.