A renomada feira, em Frankfurt, exibe o trabalho de nossos designers para o mundo

Considerada a principal feira de negócios para o segmento de design e utilidades domésticas do mundo, a Ambiente inaugura hoje, em Frankfurt, com uma expressiva participação brasileira. Além de termos 39 empresas expositoras no evento, ganhamos relevância no projeto Focus on Design, que selecionou obras de cinco estúdios criativos para expor em área nobre da feira (veja a entrevista com a vice-presidente da feira, Nicolette Naumann sobre essas escolhas). No setor Talents, contamos ainda com a presença do brasiliense Humberto da Mata. Confira o papo que tive com ele e a cobertura da feira em tempo real pelo nosso Instagram (@editoraolhares + @reginagalvaojornalista).

Humberto da Mata nasceu e se formou em arquitetura em Brasília. Depois de um curso com os irmãos Campana, na França, em 2011, decidiu tomar o caminho do design. Montou seu próprio estúdio em São Paulo, no bairro da Barra Funda, espaço no qual divide com a dupla do Estúdio Rain.

Como você foi selecionado para integrar o Talents na Ambiente?

Humberto da Mata – Esse setor já existe há alguns anos com a participação de cerca de 20 pequenos estúdios de design. Eu inscrevi vários dos meus trabalhos e eles me chamaram para participar desta edição.

Quais peças você mostrará na feira?

Trouxe itens que são resultados das minhas principais pesquisas: cerâmica feita à mão e bancos trançados. Além do estande em Talents, enviei três peças para o setor Trends, montado por um birô de tendências de design: o banco Cloud na cor laranja e duas cerâmicas. Escolheram produtos referentes às tendências identificadas para os próximos anos. Minhas peças estão no grupo no qual a cor e o lado artístico são acentuados no design.

Qual sua expectativa com a relação à feira?

Já expus duas vezes em Milão, mas esta é a primeira vez fora da Itália. Ouvi dizer que o evento é bastante voltado para negócios, com uma visitação intensa. Pretendo atrair atenção ao meu trabalho e sentir a receptividade do público e dos possíveis compradores.

Humberto da Mata nasceu e se formou em arquitetura em Brasília. Depois de um curso com os irmãos Campana, na França, em 2011, decidiu enveredar para a área de design. Montou seu próprio estúdio em São Paulo, no bairro da Barra Funda, espaço no qual divide com a dupla do Estúdio Rain.

Como você foi selecionado para integrar o Talents na Ambiente?

Humberto da Mata – Esse setor existe há alguns anos com a participação de cerca de 20 pequenos estúdios de design. Eu inscrevi vários dos meus trabalhos e fui selecionado para este ano.

Quais peças você trouxe para a feira?

Trouxe itens que são resultados das minhas principais pesquisas: cerâmica feita à mão e bancos trançados. Além do estande em Talents, enviei três peças para o setor Trends, montado por um birô de tendências de design: um banco Cloud laranja e duas cerâmicas. Eles fazem uma seleção entre os participantes, escolhendo produtos referentes às tendências identificadas para os próximos anos. Minhas peças estão no grupo em que a cor se destaca e o lado artístico no design é bastante acentuado.

Qual sua expectativa com a relação a feira?

Já expus duas vezes em Milão, mas essa é a primeira vez fora da Itália. Ouvi dizer que o evento é bastante voltado para o comercial, com uma visitação intensa. Quero mostrar meu trabalho da melhor maneira possível e sentir a receptividade do público a ele.

Rodrigo Almeida

“Mostrarei uma coleção de marcenaria, empregando o roxinho e desenvolvida com a Legado Arte, de São Paulo.”

www.studiorodrigoalmeida.com

Brunno Jahara

“É a primeira vez que eu participo da Ambiente. A feira foca muito em acessórios e objetos, e acredito poder encontrar novos parceiros e produtores internacionais para meu trabalho. Estou levando uma amostra do meu portfólio e lançamentos para 2020. Apresentarei nossa linha de copos e acessórios feitas pela Mozart Cristais de Blumenau. Com a St James, terei peças da coleção Stacks, de cobre, latão e prata, e a nova linha Loop, composta de acessórios de prata, como balde, bowl, bandeja, castiçal, fruteira e luminária.”

www.jaharastudio.com

Sérgio J. Matos

“Minha expectativa é de conseguir mostrar produtos que reflitam a identidade do meu estúdio e, com isso, abrir novos mercados na Europa.”

www.sergiojmatos.com.br

Bianca Barbato

“Estou muito feliz de estar entre os cinco designers convidados da feira, onde terei a oportunidade de mostrar uma retrospectiva de minhas coleções favoritas.”

www.biancabarbato.com

Estúdio Rain, de Mariana Ramos e Ricardo Innecco

“Faremos uma retrospectiva dos cinco anos do estúdio, apresentando produtos que vão do começo da nossa produção até os nossos mais recentes lançamentos, dando uma perspectiva geral do nosso trabalho. Estamos animados com a participação, pois essa será a oportunidade para nos conectar com diferentes mercados estrangeiros.”
www.estudiorain.com